Biografia Rincon Sapiência

Danilo Albert Ambrosio (São Paulo9 de setembro de 1985), mais conhecido pelo nome artístico Rincon Sapiência ou Manicongo, é um rapper e poeta brasileiro. Começou sua carreira em 2000, e adquiriu sucesso em 2009 com o lançamento do single “Elegância”.

CARREIRA

Rincon Sapiência iniciou a carreira em 2000, como parte da banda Munições da 38, onde atuava com os nomes artísticos Rincon Xe MC Shato. Ainda, trabalhou nos grupos Ébanos, 2º Assalto, Plano B, Equilíbrio Insano e Porte Verbal, sendo que neste último participou do álbum As Coisas Vão Melhorar…, lançado pela Salmus Produções em 2003. 
Em 2005, ingressou no selo Plano Áudio, do rapper Kamau, e fez parte da banda Simples, onde lançou sua primeira faixa solo, “Aventureiro”, que teve presença no álbum Escuta Aí. A partir de então, Rincon começou a fazer shows em São Paulo e outros estados.
Além de cantar rap, Rincon desenvolveu oficinas de poesia, eventos de hip hop e outras atividades sociais.Ainda em 2005, participou do Fórum Social Mundial, onde realizou freestyle rap de microfone aberto e venceu o campeonato de improviso que ocorreu no local.
 Atualmente, ele faz parte do grupo Audácia, onde conta com a presença de Cafuris, RG, Rocha e Raphão, e planeja lançar um disco solo brevemente. Em 2009, participou junto com Projota e MC Rashid do programa Manos e Minas, da TV Cultura. Um mês depois, em julho de 2009, lançou o single “Elegância”, sem dúvida o seu maior sucesso, que foi acompanhado de um videoclipe, de março de 2010, que foi exibido na MTV
Nele, Rincon mostra como é possível ser elegante sem muito dinheiro. Este single faz parte do seu primeiro álbum, promocional, chamado “Promotrampo Volume 1”.
 

ALGUNS DE SEUS SONS E PARTICIPAÇÕES

 

DISCO GALANGA LIVRE RINCON SAPIÊNCIA

 
O nome de Rincon Sapiência já é conhecido há anos na cena de hip-hop de São Paulo. O rapper, contudo, nunca havia lançado um disco cheio na carreira até esta quinta, 25, data em que as 13 faixas do álbum Galanga Livre ganham vida nos serviços de streaming.
Sapiência marcou o lançamento do trabalho com uma festa na loja de discos Patuá, na Vila Madalena, em São Paulo. O evento teve presenças de ícones do hip-hop nacional, como Mano Brown, dos Racionais MC’s, e Black Alien, que já foi integrante do Planet Hemp. Também presente na festa, William Magalhães – arranjador, produtor e instrumentista fundador da banda Black Rio – é responsável pela mixagem e direção musical de Galanga Livre.
O primeiro disco de Sapiência traz faixas conhecidas do público, como o hit “Ponta de Lança (Verso Livre)”, “Ostentação à Pobreza”, “A Coisa Tá Preta” e “Meu Bloco”, além das outras canções inéditas. Com exceção de “Amores às Escuras” (assinada por Gambia Beats), todas as músicas têm produção do rapper, que também compôs todo o material do álbum.
Segundo Sapiência, Galanga Livre é inspirado, entre outras coisas, na literatura de cordel e na MPB, assim como da musicalidade da Mauritânia e do Senegal, países nos quais se apresentou recentemente. “[O disco] está um pouco mais ‘instrumentalizado’, com piano, guitarra e bateria”, conta. “O rap veio dos Estados Unidos, mas para se aplicar no Brasil é preciso incluir elementos e valores culturais nossos, não só na letra mas na linguagem sonora.”
Isso é tudo galera, espero que tenham gostado!
Acompanhe-nos nas nossas redes sociais:
 
 
 
Site Skate no Comando: http://skatenocomando.com
 
 
É nóis galera, aproveitem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *